fbpx
Pular para o conteúdo

Metaverso: O que é? Ele pertence ao Facebook?

Bianca Fernandes

Bianca Fernandes

Há pouco tempo o termo Metaverso tomou grande parte da internet após o Mark Zuckerberg, mudar o nome da empresa Facebook para Meta! 

Mas o que é o metaverso? Ele é do Mark Zuckerberg? Como funciona?

Vamos lá!

O que é o metaverso?

Dizem que a primeira vez em que o termo metaverso apareceu, foi no livro Snow Crash do autor Neal Stephenson em 1992. Porém a palavra ficou mais conhecida após a mudança do nome da empresa Facebook por Meta! 

É uma realidade virtual com simulações renderizadas e 3D que criarão um universo digital, as apostas para que o metaverso seja o futuro da internet são altíssimas. Nesse universo será possível realizar atividades cotidianas dentro dessa plataforma digital.

Como funciona?

Por se tratar de uma tecnologia nova, não é possível mensurar detalhes do projeto. Mas podemos definir que o universo metaverso será um espaço online onde as pessoas viverão através de simulações 3D e espaços virtuais para interagir nos ambientes sociais ou até mesmo nas salas de trabalho.

Resumidamente, através de um avatar no metaverso poderemos viajar, trabalhar, passear e comprar produtos no mundo virtual.

Teremos a possibilidade de trabalhar, receber um salário, de comprar itens digitais para serem usados tanto na simulação ou comprar dentro do metaverso para recebermos em nossas casas, fora do mundo digital.

O uso do metaverso será um grande avanço da tecnologia, pois passaremos a viver literalmente dentro da tela da internet!

É do Mark Zuckerberg?

Apesar de termos visto o nome do Mark relacionado ao metaverso, ele não foi o responsável por sua criação.

O bilionário investiu em pesquisas e é uma das empresas mais avançadas nesse meio, sua empresa já está estudando sobre o desenvolvimento dos produtos, plataformas e dispositivos que vão construir e habitar nesse novo universo. 

Como o MetaVerso se tornará uma realidade?

As formas de como o MetaVerso será acessado ainda são abstratas, não divulgaram muitas informações a respeito, já que os equipamentos precisam passar por grandes desafios: desenvolvimento e popularização.

Pesquisas estão sendo feitas para serem desenhados equipamentos rápidos, confortáveis e com um preço razoável para que instiguem os consumidores a frequentar o universo Meta.

Muitas outras informações virão ao longo dessas pesquisas, portanto os meios ainda são inexplorados.

Embora ainda existam muitas dúvidas, estudos e milhões de reais em jogo nesse projeto, ainda iremos ouvir muito a respeito desses avanços, a aposta é de que nos próximos anos é de que o metaverso será um grande passo para a tecnologia!

Preparados para as novidades que vem por aí?